Voltar

Localizada na microrregião de Campinas, a cidade de Americana é o 34º município mais populoso do estado de São Paulo, com 233 868 habitantes e sede de uma das maiores lojas do Comercial Esperança no Estado de São Paulo.

Os primeiros registros sobre a ocupação do território de Americana datam do final do século XVIII quando Domingos da Costa Machado I adquiriu uma sesmaria da coroa entre os municípios de Vila de São Carlos (atual Campinas) e Vila Nova da Constituição (atual Piracicaba e posteriormente Santa Bárbara d’Oeste). Em 1866, as terras da região começaram a ser efetivamente povoadas por imigrantes norte-americanos sulistas, que após o fim da Guerra Civil Americana se refugiaram na região. Essa “invasão” de americanos foi elemento fundamental para dar nome à cidade, em alusão a estes imigrantes.

Após mais de 100 anos baseando sua economia através da agricultura, Americana deu um salto nas décadas de 1960 e 1970, através do rápido desenvolvimento da cidade, com a chegada de diversas indústrias automobilísticas e do profundo crescimento na indústria têxtil, vindo então a ser denominada Princesa Tecelã.

Seguindo essa vocação, destaca-se, atualmente, como um dos principais pólos fabricantes de tecidos da América Latina, sendo a 72ª cidade mais rica do Brasil e a 4ª mais rica da Região Metropolitana de Campinas, que vem se consolidando em importante posição econômica nos níveis estadual e nacional., fazendo com que muitas pessoas viessem a procura de emprego e moradia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *